Comporta, o seu refúgio intocado

Cansado de sair de férias apenas para saber que você deveria estar nesse sitio dez anos antes? Então experimente a Comporta em Portugal AGORA. Muito possivelmente o segredo mais bem guardado na areia em Portugal a Comporta já foi comparada a tudo, do Uruguai a Ibiza e St. Tropez, antes dos navios de cruzeiro, multidões e Kardashians desembarcarem nestes locais. O que não quer dizer que as celebridades não estejam aqui: Madonna, Christian Louboutin e Phillipe Starck todos têm refúgios aqui, mas graças às rígidas leis de loteamento que protegem as dunas e as reservas naturais da região, elas permanecem exatamente assim – escondidos dos olhares.

A Comporta está rodeada por arrozais, oceano, dunas e florestas de pinheiros. É um lugar único, onde você se pode conectar com a natureza e viver o momento. Para algumas pessoas, as cabanas de pesca sobre palafitas evocam imagens da Ásia, enquanto para outras, as magníficas praias de areia branca nas margens do oceano evocam os Hamptons, mas a Comporta possui um ritmo e um ambiente próprios.

Este lugar selvagem é mantido em segredo por visitantes regulares, que apreciam a ‘tranquilidade’ desta região distinta.

Tradição e simplicidade reinam supremas nas aldeias da região. Os edifícios encaixam-se harmoniosamente e os moradores ainda podem ser encontrados nos mesmos cafés que sempre frequentaram. Não há legiões de turistas nem discotecas. O que você pode encontrar é a autenticidade e a vida simples de Portugal.

Uma reserva natural altamente protegida

Quando falamos da Comporta, na verdade queremos dizer a região circundante, chamada Herdade da Comporta. Este território está situado entre o estuário do Sado e o oceano. Abrange 12.500 hectares e sete aldeias: Pego, Carvalhal, Brejos, Torre, Possanco, Carrasqueira e Comporta. Uma harmonia tranquila reina neste terreno quase deserto, quebrada apenas pelos sons dos bicos das cegonhas que estão a tornar-se cada vez mais numerosas em Portugal.

Uma região particular de Portugal

O charme da Comporta está nos seus grandes campos de arroz, cruzados por vários canais de irrigação. Estes são os maiores arrozais de Portugal. Eles estendem-se até às dunas que fazem fronteira com as longas praias ao longo da costa. Este tipo de colheita, colora a paisagem da região consoante o passar das estações. Nos meses de abril e maio, os campos de arroz são “afogados”. Eles são transformados em vastos espelhos aquosos, refletindo a natureza que os cerca. Nunca se cansará de admirar a beleza desses lugares. Os arrozais estão protegidos hoje, assim como a flora e a fauna que neles se abrigam. Passear entre estes campos extraordinários é um dos muitos prazeres deste destino. A pé, a cavalo, de bicicleta ou até de uma prancha, você precisa se perder entre os brotos de arroz para descobrir os muitos pássaros que lá se escondem e que não podem ser vistos em nenhum outro lugar.

Estilo de vida simples e autêntico

As aldeias da Comporta, como muitas outras no Alentejo, não perderam a autenticidade nem os costumes. A modernidade é bem-vinda sem perder a história que a criou, ou o modo de vida que a caracteriza. É isso que os torna tão autênticos. Você sente-se bem lá, imediatamente, como se estivesse em casa. O ritmo é lento e as pessoas param e conversam.

No Carvalhal, você verá moradores sentados em cadeiras de plástico em cafés ao ar livre pela manhã. Eles tomam café ao lado de turistas ou pessoas de Lisboa se divertindo, como provavelmente fizeram por décadas.

Areia fina e peixe fresco

As praias são parte integrante do ‘mito’ da Comporta em Portugal, assim como no exterior. O oceano aqui é particularmente azul e a areia é branca e muito fina. Dunas cobertas de vegetação fazem fronteira com a praia, e nenhum trabalho de construção arruína o cenário onírico. A beleza da paisagem é crua e autêntica, e sentimo-nos como se estivéssemos à beira do fim do mundo.

O ambiente é descontraído e as crianças brincam na areia; tudo se reúne para criar um ambiente agradável para descobrir as especialidades gastronómicas e vinhos da região.

Pérolas escondidas

Indo um pouco mais longe desses famosos pontos da Comporta, você descobrirá rapidamente algumas jóias escondidas ainda menos frequentadas. É o caso da praia da Galé, mais ao sul. É, sem dúvida, uma das praias mais bonitas de Portugal. Grandes falésias ocres e vermelhas alinham-se ao longo da praia e, à luz da manhã, você pode facilmente acreditar que estava nas costas da Austrália.

A curta distância ao sul, pode admirar o pôr do sol na praia de Aberta Nova. O espetáculo é magnífico. Reserve uma mesa com antecedência no Caverna Dos Tigres, um pequeno restaurante local na estrada para Melides, para desfrutar de um jantar rústico numa cabana com vista para a praia.

Portanto, sente-se, relaxe e desfrute da simplicidade da vida num bar na praia, com um copo de vinho e uma deliciosa salada de polvo junto a si…

 

The Best Portugal Premium Wines and moments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *